Grupos armados estão invadindo comunidades, mutilando e matando

Grupos armados estão invadindo comunidades, mutilando e matando

Macomia esta prestes a cair nas mãos dos rebeldes.
27 Março 2020 - Por 3C



População em fuga.

Caríssimos confrades,

O desafio pelo qual todos nós estamos passando é muito grande. Cada país, em estágios diferentes da pandemia, está sendo colocado à prova.
Infelizmente com o aparecimento do COVID-19 as outras doenças ou dificuldades não desapareceram, mas se agravam. Esta  mensagem é para partilhar a situação de guerrilha no norte de MOÇAMBIQUE.

Desde 2017 grupos armados estão aterrorizando a região: queimando aldeias, invadindo cidades, expulsando das terras seus moradores, mutilando e matando.

Agora à pouco o bispo de PEMBA, dom Luiz Fernando Lisboa, me comunicou que aconselhou aos nossos padres e as religiosas de MACOMIA a se refugiarem em uma cidade ao sul da Província de Cabo Delgado, porque a cidade esta prestes a cair nas mãos dos rebeldes de orientação muçulmana. Nos últimos dias algumas cidades da região foram invadidas. A reação do governo é inexistente. O grupo tem grande poder de fogo e está às portas de MACOMIA.

Neste momento estão viajando de carro, com a esperança de que cheguem a salvo. A estrada para Pemba, capital da província que fica a 200km, está interditada por causa da queda de uma ponte.

Acompanhemos com a oração nossos irmãos e toda a população sofrida do norte de Moçambique.

SOLA IN DEO SORS






Escreva o seu comentário...